Datacenter – Hosting E Colocation

Consultas Rápidas

Entre com palavras-chave em PROCURAR (evite preposições), ou selecione um item em CATEGORIAS, na coluna da direita.

Tipos de Hosting (Hospedagem)

Quais são os tipos de hospedagem oferecidos e quais suas vantagens e desvantagens?

Fornecedores de hospedagem têm vários tipos de hospedagem:

  • Hospedagem compartilhada. Quando vários usuários compartilhem um único servidor. O provedor de hospedagem essencialmente divide um servidor em um certo número de peças e aluga cada parte para um usuário diferente. Porque você está compartilhando um servidor com vários outros usuários, planos de hospedagem compartilhada são tipicamente mais barato. Eles também são os mais inflexíveis. Se você precisa atualizar a versão de uma linguagem de programação ou alterar outra configuração no servidor compartilhado, você não pode. Há um trade-off entre preço e flexibilidade, mas esta solução normalmente funciona para websites simples, como sites pessoais.
  • Servidor dedicado. Como o nome sugere, um plano de servidor dedicado lhe permite alugar um servidor inteiro para fazer o que quiser. Claramente, isso vai ser uma proposição muito mais cara, mas você pode personalizar o servidor de qualquer maneira, e garante que problemas de outras pessoas não se tornam o seu (isolamento). Este tipo de plano faz sentido se você está hospedando vários sites, especialmente se eles têm um tráfego significativo e uso substancial de banco de dados (nomes de usuário, informações de cartão de crédito, quais itens são mais populares, etc.).
  • Servidor virtual dedicado. É uma combinação de um plano de hospedagem compartilhada com um plano de servidor dedicado. Por meio da virtualização de servidores, provedores de hospedagem pode oferecer espaço de servidor que você pode tratar como um servidor dedicado, mas na realidade e compartilhado. Você pode personalizá-lo como quiser, ao contrário de planos de hospedagem compartilhada, mas vários clientes podem estar ligados ao mesmo servidor. Espaço do computador e poder de processamento não sejam desperdiçados, beneficiando assim o provedor de hospedagem, e os clientes não têm que pagar por um servidor inteiro se não precisar dele.
  • Colocation. Em um plano de hospedagem Colocation não há nenhuma transação acontecendo. Você realmente possui o servidor, mas ao invés de gerenciá-lo você mesmo, você dá a um provedor de hospedagem. O que você paga é a largura de banda (o uso da Internet) e as taxas de manutenção (para espaço, energia, climatização e assim por diante.

Até logo!

Serviços de Hosting

Quais os problemas que os serviços de Hosting resolvem ?

Quando você visita um site, o navegador envia uma mensagem para um servidor pedindo um arquivo. Esta é uma interação suportada pelo modelo de comunicação conhecido como Cliente–Servidor.

O processo pelo qual um site é colocado em um servidor e disponibilizado na Internet é chamado de hospedagem (hosting). Hosts são os computadores que estão conectados à Internet sem parar, para que os arquivos do site que você colocou sobre eles estejam sempre acessíveis.

Imagine você colocando seus arquivos em um servidor que alguém desliga a cada noite. Ao tentar acessar o seu site, seus visitantes noturnos e clientes receberão mensagens de erro. Além disso, esses servidores precisam de um software web de hospedagem.

Existem muitas razões para você não querer hospedar um site você mesmo. A principal delas é que é necessário um conhecimento técnico significativo.

Muitas pessoas no mundo já perceberam que a auto hospedagem é problemática, por isso existem os serviços de hospedagem. Seus provedores otimizam computadores para armazenarem sites web, estarem acessíveis e proverem altas velocidades. São removidas todas as coisas desnecessárias em um computador. Sem jogos de cartas e programas de pintura. Sem monitor ou teclado. Provedores de hospedagem acumulam prateleiras desses computadores e alugam o espaço nesses servidores para pessoas que queriam hospedar seus sites.

Os serviços de hospedagem permitem que os desenvolvedores do site se concentrem no produto e minimizam preocupações sobre sua distribuição.

Provedores de hospedagem oferecem tipicamente um painel de controle para os desenvolvedores do site para gerenciar o site e permitir que arquivos sejam movidos para esses servidores remotos usando File Transfer Protocol (FTP). FTP permite que os programas troquem recursos entre computadores conectados à Internet. Se você hospedar o www.site.com em um computador (servidor) que vive em outro lugar, como é provavelmente o caso, o FTP permite estabelecer uma ligação e interagir com o computador remoto para mover arquivos do seu site para ele, mesmo se ele esteja localizado em um estado diferente ou país. Essa interação é normalmente limitada a mover arquivos (gerenciamento de arquivos), Mas você não precisa de muito mais do que isso.

Até logo!

Hosting e Perguntas Frequentes

Quais são as perguntas mais frequentes sobre Hosting Gerenciado?

  1. Hosting gerenciado é mais caro? Depende. Os preços do hosting são mais altos, mas o hosting gerenciado permite reduzir o TCO – tempo, recursos, administração interna e custos do cliente. Essa é a conta a ser feita.
  2. Hosting Gerenciado oferece um serviço totalmente “hands-off“? Não. Os níveis de serviços variam entre provedores  e classes de serviços. Mesmo com os mais altos níveis de serviço, os clientes deverão fornecer seus próprios conteúdos e outras tarefas não essenciais.
  3. Apenas iniciantes necessitam de hosting gerenciado? Não. Grandes empresas com uma equipe altamente qualificada em tecnologias Web pode querer usar um provedor de hospedagem gerenciada , para atender demandas como “time to market”, redução de TCO, dentre outros.
  4. Um provedor de hospedagem  manterá sempre os dados seguros e protegidos? Contratualmente o provedor não é legalmente obrigado a proteger os dados em “todas” as condições. Mesmo backups de backups podem ser destruídos em uma catástrofe. É sempre inteligente manter backups recentes de dados críticos em um ou mais locais.
  5. Hosting gerenciado mantem o site funcionando 24/7, sem interrupção? Sempre existem casos raros que o serviço pode tornar-se indisponível. Diante disso, serviços de backup e continuidade de negócios devem ser adicionados, de acordo com os níveis de disponibilidades exigidos.
  6. Hospedagem gerenciada protege os recursos do cliente contra vírus e outros tipos de ataques? Provedores de hospedagem e serviços gerenciados aplicam políticas e mecanismos para proteger os seus servidores e software de ameaças externas, incluindo malware e ataques de DDoS (Denial of Service). No entanto, há sempre a possibilidade de que sofram também ataques e danos.
  7. Hospedagem são limitados em termos de opção de sistemas operacionais e funcionalidades? Sim. No entanto, Os provedores oferecem os padrões mais frequentes.

Até logo!

Hosting com Servidores Dedicados

Quais são as situações e vantagens do uso de Hosting Dedicado?

Hosting de servidor dedicado é o aluguel de servidor dedicado utilizados geralmente para hospedar site e aplicações de um único cliente:

  • Necessidades mais comuns que levam a escolha para servidores dedicados são: hosting de website da corporação, sites de e-commerce, sites de alto tráfego e que demandam alto nível de segurança e confiabilidade .
  • Existem várias opções de hardware de servidor diferentes disponíveis, desde servidores básicos aos mais sofisticados.
  • As principais características de hardware são: tipo e velocidade de processador, RAM, memória, sistema operacional, firewall, banda, nível de serviços gerenciado

Veja dois casos mais frequentes de demanda de servidores dedicados:

Caso 1: O cliente dispõe de ambiente de hospedagem compartilhada e necessita de maior suporte, desempenho, disponibilidade e segurança:

  • O site ou aplicação cresceu o suficiente para exigir suporte adicional e controle que servidores dedicados fornecem.
  • A experiência do usuário está sendo negativamente impactada por baixas velocidades de carga, tempos de resposta mais lentos e indisponibilidade
  • Previsão de problemas de disponibilidade e desempenho no longo prazo.

Caso 2: Correntemente a empresa hospeda servidores in-house ou num datacenter:

  • A questão de espaço  e temperatura do ambiente tornou-se um problema
  • Alto crescimento da conta de energia
  • Exigência de melhores requisitos GEEDDS
  • Equipe de TI sobrecarregada
  • Interrupções na Internet /energia impactam aplicações de clientesNão existem sistemas de backup para redundância

Bom Programa!

Responsabilidades do Hosting e Colocation

Quais são as diferenças de responsabilidades para provedores e clientes quando do uso de hosting x colocation?

Embora Colocation e  Hosting apresentem algumas características e benefícios semelhantes,  são duas opções muito diferentes para a organização cliente. A figura a seguir mostra diferenças e sinergias entre as soluções colocation e hosting em termos de responsabilidades transferidas ou retidas. Usando o conceito de uma pilha de”outsourcing” (“camadas” da infraestrutura de TI), pode-se ver a sobreposição e distinções entre as  opções:

Colocation

  • É uma opção de aluguel de instalações físicas e serviços de infraestrutura de TI.
  • Permite a organização evitar despesas com construção, ampliação e manutenção de datacenters.
  • Os ativos de TI são alocados nas instalações do prestador de serviço, junto com outros ativos de outras organizações, e compartilha “o poder” de conexões, sistemas de climatização, segurança física e arquitetura redundante desses ambientes.
  • Essencialmente, é um aluguel de espaço gerenciado para os ativos de TI, mantendo a propriedade e o controle dos ativos pelo cliente.
  • Permite que a organização expanda rapidamente, independente do tempo do projeto e construção de um novo data center, preservando o capital.

Hosting Gerenciado

  • Estende os benefícios do colocation eliminando tanto a responsabilidade de manutenção das facilidades físicas quanto à continuidade de aquisição e manutenção de facilidades próprias pelo cliente.
  • A aquisição e manutenção do núcleo de computação e rede (servidores, switches, storage e firewalls) é de responsabilidade do provedor, “restando convenientemente” para o cliente a manutenção das aplicações de negócio.
  • A supervisão contínua da infraestrutura é transferida para o provedor de serviços, que minimiza as obrigações do staff de TI e permite redirecionar esses recursos para outras áreas de negócio.

Conclusão:

  • Facilidades, equipamentos e pessoal necessários para executar atividades abaixo da camada de aplicação de uma estrutura de TI são caras e distraem muitas empresas do seu principal objetivo.
  • Um dos grandes ganhos de Colocation e Hosting está em não se restringir a reduzir apenas os custos diretos com essas atividades e sim redirecionar atenção, esforços e custos da empresa para as áreas de negócios. Isto é, trazer mais receita, alinhamento negócios e TI e agregar mais valor como um todo ao negócio.
  • Para determinar qual é a melhor opção – Colocation ou Hosting – é necessário entender as diferenças dos benefícios, custos e riscos de cada solução.
  • As necessidades empresariais se concentram em questões de infraestrutura (colocation) ou em redução de capital ou pessoal (hosting)?
  • Para ajudar o cliente, o provedor deverá usar sua especialização e experiência para desenvolver a melhor solução para a empresa

Bom Programa

Colocation ou Hosting?

Qual a melhor opção de terceirização para uma empresa: hosting ou colocation?

Uma vez conhecidas as similaridades e diferenças entre colocation e hosting, qual dessas opções de terceirização é a melhor solução para uma empresa?

Essa pergunta para ser respondida deve ser desmembrada em outras 3 perguntas a serem respondidas, veja abaixo:

Observação:

  • Nem sempre essas as questõesacima têm respostas claras.
  • As necessidades do negócio  futuras, provavelmente não serão as mesmas das necessidades de negócios correntes – as respostas às 3 perguntas mudam ao longo do tempo.
  • É necessário cliente e fornecedor estarem alinhados para entender as necessidades presentes e futuras, para possibilitar escalar sob demanda uma solução Hosting ou Colocation.

Bom Programa!

Precificação do Colocation e Hosting

Como os serviços de Datacenter são normalmente precificados?

São três os componentes de custos de serviços de Datacenter comercializados no Brasil e no mundo:

1) Taxas de Instalação – custo eventual
2) Aluguel Mensal de Serviços – custo recorrente
3) Serviços Adicionais – custo eventual ou recorrente

A tabela abaixo resume as principais variáveis a serem coletadas de um potencial comprador para a configuração e precificação dos serviços.

Observação:

  • A estrutura de custos do colocation é mais simples que a do Hosting. Da mesma forma, a estrutura do Hosting é mais simples do que uma solução proprietária. Quando comparamos as 3 alternativas isso tem que ser levado em conta para calcular o ROI da solução (Benefícios/Custos).
  • A configuração do colocation e seu preço é função: 1) tipo de rack, 2) densidade de potência (potência/metro quadrado) e 3)  potência contratada.
  • A configuração do hosting e seu preço depende de mais informações: 1)  tipo de servidor, 2) modalidade dedicado/compartilhado, 3) capacidade/desempenho do servidor ou dispositivo e 4) disponibilidade garantida. A modelagem e configuração é crítica na precificação do hosting. Existem grandes diferenças de desempenho e preços entre configurações diferentes.

Bom Programa!