Evolução do Cloud Computing

O projeto de Cloud Computing cresce muito  em prioridade dentre os principais projetos das empresas.
São vários aplicativos em  migração para a nuvem: ERP (cadeia de suprimentos), HRM (recursos humanos) e CRM (Custom Relantionshep Management), etc, seguindo o modelo SaaS. Seguindo o modelo Iaas temos também a aplicação de desktops virtuais (VDI) na nuvem.
As grandes empresas estão investindo em nuvens privadas enquanto que as empresas PME estão migrando para a nuvem pública.
No caso das grandes empresas o investimento em projetos de Cloud Computing implica uma série de adequações na rede local. Primeiramente, a estrutura de Datacenter precisa ser revista para receber a instalação de servidores virtualizados que permitam a elasticidade dos serviços e o uso dos recursos conforme a necessidade. Por exemplo, quando migrados para a nuvem, os serviços de ERP exigem estrutura de QoS em toda a rede para garantir o desempenho da aplicação. As redes corporativas precisam de mais banda, pois o tráfego da aplicação, antes distribuído, estará agora centralizado na nuvem. Assim, a banda na rede corporativa se amplia. Caso se utilize Cloud em redes públicas, a exigência se torna ainda maior. A necessidade de serviços de contingência de acesso à Internet fica preponderante, pois a queda da internet afeta o acesso a serviços fundamentais da empresa. Abaixo um resumo de efeitos derivados da implantação de Cloud Computing nas soluções de conectividade:
  • Ampliação de VPN MPLS
  • Uso de QoS local e MPLS
  • Ampliação de acesso Internet
  • Soluções de Alta Disponibilidade em acessos Internet.
  • Soluções de Datacenter

Até logo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Navegação pelos artigos